Técnica envolve lipoaspiração e lipoenxertia

O que é a lipoescultura

A lipoescultura envolve a conciliação das técnicas de lipoaspiração e lipoenxertia. A lipoenxertia usa a gordura em exagero removida de qualquer outra região do corpo por meio da lipoaspiração da própria paciente para ” configurar ” o corpo, de modo a exercer, reforçar e exemplar as estruturas flácidas, depressões ou áreas com pouco fazenda gorduroso.

Como é feita a intervenção

Inicialmente é infiltrada a saída de Klein – composta por soro fisiológico e adrenalina – para coarctar as chances de sangramento e, de modo consequente, de trauma cirúrgico. As cânulas de lipoaspiração são introduzidas por meio da pele e chegam ao fazenda gorduroso ( mão que vem logo após a pele ), de no qual aspiram – a partir de um sistema de claro – a gordura localizada. Os pontos em que são inseridas as cânulas variam de acordo com a exame do paciente e a técnica usada pelo clínico.

A lipoaspiração pode ser feita com anestesia maior parte, peridural ou local, dependendo da porção de regiões abordadas. Caso a anestesia seja maior parte, há a urgência de intubação orotraqueal e utilização de aparelhos que auxiliam a respiração. Em maior parte, as cicatrizes de lipoaspiração medem cerca de meio centímetro, porém são capazes de ficar aproximadamente imperceptíveis com o tempo, e não geram incômodo.

” Posteriormente a gordura é fraude – é feita a afastamento de células de gordura rompidas, de sangue e de anestésico – e a gordura e enxertada em um novo local ” explica o clínico plástico Eduardo Andrade Filho, do Lugar Cariz, em Campinas (SP). “O enxerto é apresentado a partir de finas seringas no local esperado, dando volume e maneira nova ao local “. O técnica cirúrgico dura, em média, duas horas.

Médicos que são capazes de corporificar esta intervenção
O clínico plástico André Eyler, braços da Clube Brasileira de Intervenção Plástica, explica que legalmente todos os médicos são capazes de corporificar a lipoescultura. Porém, é recomendado que o paciente busque um médico clínico plástico, profissional talhado a corporificar a técnica. quem possui treinamento e preparo apropriado, ou seja, caráter em intervenção plástica.

Partes do corpo que são capazes de ser submetidas à lipoescultura
A lipoaspiração pode ser realizada em qualquer região que haja gordura localizada. “A principio, em qualquer parte se pode enxertar a gordura, as áreas de maior consumo por aplicação de gordura são glúteos, rosto, mãos e mamas”, explica André Eyler. O profissional explica que é possível enxertar a gordura lipoaspirada em distintos regiões do corpo em somente um técnica, não obstante é necessário atenção para não reforçar sobejamente o tempo de intervenção.

Caso o paciente decida alimentar distintos áreas em cirurgias distintas, será preciso um paragem mínimo de um mês entre as cirurgias. Caso deseje alimentar a mesma setor é preciso um paragem mínimo de seis meses até que o inchaço da região desapareça.

Melhores resultados da lipoescultura

De acordo com a lipoenxertia de rosto possui resultados mais impactantes, seguida pelo rejuvenescimento das mãos e crescimento de glúteos.
De acordo com o clínico plástico Eduardo, os melhores resultados acontecem no momento em que a gordura localizada está sob uma região de pele de ótima flexibilidade e sem exagero. Locais de gordura localizada, porém com flacidez de pele aumentada precisam ser acompanhadas da afastamento de pele local.