Quais os benefícios da luz pulsada no rosto

Já faz ao menos uns 30 anos a partir de que o segmento de plástica ganhou uma série de vantagens que apenas aumentam cada vez mais. Sem dúvidas, um dos mais clássicos e icônicos é a Luz Pulsada, técnica usada tanto para procedimentos relativos a pele como para alguns tratamentos recomendados por dermatologistas.

Há vários vantagens para o utilização da Luz Pulsada, tanto no fachada estético como cirurgião. Porém, assim como todo técnica que envolve de modo direto o corpo, se não estiver ligado com os detalhes, pode provocar riscas desnecessários.

 

Saiba Mais: A luz intensa pulsada é um tratamento estético indicado para flacidez, envelhecimento e manchas

Como funciona a Luz Pulsada?

A Luz Pulsada, ou Luz Intensa Pulsada ( similarmente abreviada como LIP) é uma técnica de aplicação parecido ao utilização do laser, no entanto de maneira mais sui generis e necessita. Suas sessões são um pouco maiores que o clássico, no entanto são mais efetivos para a pele.

Além de tratamentos estéticos, a Luz Pulsada permite corporificar tratamentos dermatológicos mais precisos, e cuidar de situações várias vezes mais complicadas pela falta de recursos.

A Luz Pulsada, ainda que seja aplicada de maneira similar ao laser, não se tratam dos mesmo materiais. O tratamento é realizado com um gavela de calor, com temperaturas variadas. A intensidade varia de acordo com o tratamento, o que pede por afazeres posteriores para não sentir os possíveis efeitos nocivos dele.

 

Quais os vantagens?

Há vários! Para a plástica, é possível alimentar questões como estrias, linhas de expressão no frente, olheiras, além de remover os pelos do corpo em muitas áreas.
Para a saúde como um todo, é possível alimentar as manchas existentes na pele, além de casos crônicos de espinha, telangiectasia, e outras manchas de maneira maior parte.
Em os dois os casos, a Luz Pulsada age de maneira necessita e bem breve na pele, em sessões de tempo alucinado, de acordo com o tratamento. De maneira maior parte, essas sessões duram em média de 6 a 8 meses, com uma aplicação semanal ou mesmo mensal.

Quais são os maiores riscas?

Por ser um tratamento arrumado de modo direto a pele, a Luz Pulsada necessita de um atenção sui generis ao se evidenciar a luz do luz. O ideal é pedir o tratamento em períodos de baixas temperaturas, como o retrocesso e o idade.

Além disso, é necessário evitar o tratamento em casos de utilização de remédios anticoagulantes, corticoides e fotossensibilizantes, uma vez que são capazes de provocar outras manchas involuntárias na pele
Por fim, indivíduos que já contem um tipo de receptividade com a pele precisam evitar o tratamento, ao menos de imediato. Para estes casos, o ideal é pedir por um dermatologista, que pode corporificar o direcionamento preciso para evitar riscas.

Adaptar a Luz Pulsada precisa ser precedida de uma consulta e recomendação do médico, para que as sessões sejam bem definidas e direcionadas para cada tipo de tratamento. Com isto em mente, sua saúde e sua beleza agradecem.

FONTE: https://www.r7.com